Após participar do maior torneio do Brasil, Jefferson Rian retorna a Porto Velho para incluir o jogo de Xadrez no Projeto “Talentos do Futuro”

Após participar do maior torneio do Brasil, Jefferson Rian retorna a Porto Velho para incluir o jogo de Xadrez no Projeto “Talentos do Futuro”

- em Coluna do Rei
0

O professor Jefferson Rian, de 48 anos, heptacampeão rondoniense de xadrez, concluiu sua participação no 4º Floripa Open Chess, maior torneio de xadrez do Brasil, que ocorreu na semana passada em Florianópolis, SC, com a participação recorde de 416 enxadristas.  Jefferson, que também preside a Federação Rondoniense de Xadrez, obteve cinco vitórias, um empate e quatro derrotas (sendo uma de WO), enfrentando alguns dos melhores enxadristas do País.

De volta a Porto Velho,  retoma seu trabalho na implantação do jogo de Xadrez junto à Secretaria Municipal de Esporte, no Projeto Talentos do Futuro, que envolve aproximadamente 2 mil crianças.

Talentos do Futuro  inicia com núcleos de atendimento espalhados na metrópole e distritos do município e em parceria com as associações comunitárias e entidades desportivas para oportunizar às crianças a iniciação nas  modalidades de Futebol de campo, Futsal, Basquetebol, Voleibol, Handebol, Natação, Judô.  O Xadrez, reconhecido como ferramenta pedagógica na Educação, será incluído como atividade complementar buscando a formação integral do atleta. No Bairro São João Bosco, a arte do Reis será trabalhada como esporte de rendimento para formar os enxadristas, que representarão o município nos torneios.

Em São Paulo, na Praça da República, Jefferson recebeu de presente do Projeto Liber Libris, que promove a doação de livros na ruas e praças, o “Bobby Fischer Ensina Xadrez” para iniciar as aulas na Capital de Rondônia.

Sobre o autor

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de:

Jefferson e Vinicius Rian no I Aberto de Xadrez da Zona Leste

O I aberto de Xadrez da Zona Leste